Visitas

segunda-feira, 11 de março de 2013

Susie Wolff, única mulher na F-1


Ela pilota o FW35 da Williams em teste pela equipe

Única na Fórmula 1, Susie Wolff, pilota de testes da Williams, sonha com uma vaga na categoria, e nós também.
Susie é escocesa, começou a carreira no kart e participou de categorias de base em monopostos, onde foi nomeada duas vezes para o prêmio Piloto Jovem do Ano antes de seguir para o DTM, mais forte campeonato de turismo do mundo, baseado na Alemanha. Em 2012, Susie foi pilota de desenvolvimento da Williams, mas não chegou a guiar o carro, trabalhando apenas em simuladores.
A gata é esposa de Toto Wolff, apesar de ir para a Mercedes, segue como acionista da equipe de Grove e ainda é empresário de Valtteri Bottas, que substituiu o brasileiro Bruno Senna.
A pilota de testes afirma que o seu próximo passo é conseguir tirar a superlicença para poder guiar como titular da principal categoria do automobilismo mundial.
Susie Wolff terá sua história contada nas telas pelo irmão diretor, David Stoddart, em um documentário da rede britânica BBC, com participação de Lewis Hamilton e do ex-piloto David Coulthard.
"Foi duro conciliar a função de documentarista e de irmão. Tive que lembrar constantemente que eu estava lá para falar da história dela, mas nos momentos mais complicados meu instinto como irmão falou mais alto" disse David.
"Como eu disse antes de entrar para Williams, eu não tentarei correr antes de aprender a caminhar. Tudo será feito passo a passo e cada um deles tem que ser realizado da maneira certa. No ano passado eu realizei meu primeiro teste e agora meu papel na equipe cresceu.  Se avaliarem quantos quilômetros eu já andei verão que estou apta para a superlicença, e este é o próximo passo" declarou Susie Wolff.

Veja Também