Visitas

sexta-feira, 17 de agosto de 2012

Privada vai gerar eletricidade e fertilizantes


No-Mix Vacuum Toilet, promete reaproveitar e economizar

A nova privada desenvolvida por cientistas da Universidade Tecnológica de Nanyang (NTU), em Cingapura, batizada de No-Mix Vacuum Toilet, promete reaproveitar tudo o que fazemos quando vamos ao banheiro. A urina se transforma em fertilizante, enquanto as fézes é utilizado para produzir eletricidade.
O vaso sanitário possui duas câmaras que separam os dejetos líquidos dos sólidos. Após a descarga, a urina é encaminhada para uma instalação de processamento capaz de separar o nitrogênio, fósforo e potássio presentes na urina humana para utilizá-los na produção de fertilizantes. Já as fézes seguem para um biorreator para liberação de biogás, que contém metano – substância que pode substituir o gás natural utilizado nos fogões ou, ainda, ser convertida em eletricidade.
E as promessas do No-Mix Vacuum Toilet vão além: a privada tem potencial para reduzir em até 90% os gastos com água, em relação aos atuais vasos sanitários. Isso porque ela possui uma tecnologia de vácuo de sucção – a mesma usada em banheiros de aviões – que utiliza entre 0,2 e 1 litro de água por descarga, enquanto uma privada convencional consome entre 4 e 6 litros.

Veja Também